segunda-feira, 2 de abril de 2012

26 Abril 2012

Quinta-feira - Sessão #1165
21h45 Auditório Municipal


48 (2011)
de Susana de Sousa Dias
93 min, Portugal
crítica: Ipsilon, Visão
entrevista à realizadora: Sapo.pt, RTP, Esquerda.net



sinopse:
Partindo de uma série de fotografias de prisioneiros políticos, Susana Sousa Dias ("Natureza Morta - Visages d''une Dictature") volta a centrar-se no período do Estado Novo e realiza um documentário sobre os 48 anos de ditadura em Portugal (1926-1974). Mostrando os rostos das vítimas da PIDE, pretende-se que o espectador observe cada imagem ouvindo, em voz off, o depoimento vivo da pessoa em questão, usando as pausas e os silêncios como meio de reflexão. Para Sousa Dias, o filme "procura operar na zona entre o que a fotografia mostra e o que ela não revela; mas também entre a analogia e a estranheza, o enunciado e o vivido, a imagem e a memória." [ Público ]

Sem comentários: