segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Programação Janeiro 2016

7 Janeiro
Montanha (2015)
de João Salaviza

Montanha (2015) de João Salaviza

14 Janeiro
As Sufragistas - Suffragette (2015)
de Sarah Gavron

As Sufragistas - Suffragette (2015) de Sarah Gavron

21 Janeiro
Minha Mãe - Mia Madre (2015)
de Nanni Moretti

Minha Mãe - Mia Madre (2015) de Nanni Moretti

28 Janeiro
Que Horas Ela Volta? (2015)
de Anna Muylaert

Que Horas Ela Volta? (2015) de Anna Muylaert


28 Janeiro 2016

Quinta-feira - Sessão #1296
21h45 Cine-Teatro Garrett

Que Horas Ela Volta? (2015) de Anna Muylaert

Que Horas Ela Volta? (2015)
de Anna Muylaert
com Regina Casé, Camila Márdila, Karine Teles, Lourenço Mutarelli, Michel Joelsas, Helena Albergaria
112 min, Brasil
Drama, M/12
prémio do Público Festival de Berlim
prémio do Júri Festival Sundance
crítica: Slant, EyeForFilm, Público [JM], Público [LMO], DN, DN

Que Horas Ela Volta? (2015) de Anna Muylaert

sinopse:
Val deixou a cidade de Pernambuco (Brasil), para ir trabalhar como empregada doméstica em São Paulo. Para se sustentar e poder enviar dinheiro, deixou Jéssica, a filha ainda pequena, para ser criada com os avós. Durante 13 longos anos, ela vive afastada da família, dedicando-se totalmente a educar e criar Fabinho, o filho dos patrões. É então que Jéssica, já quase mulher, lhe pede para ir para São Paulo para fazer os exames para ingressar na universidade. Os patrões de Val, contentes com a notícia, insistem para que a rapariga fique em sua casa. Porém, a chegada dela vem pôr em risco o equilíbrio que até aí existiu entre a submissão cega da empregada e o poder do dinheiro… Um filme dramático sobre a diferença de classes no Brasil que conta com realização e argumento da brasileira Anna Muylaert (“É Proibido Fumar”, “Chamada a Cobrar”). Depois da passagem pelo Festival de Cinema de Sundance (onde recebeu o Prémio do Júri) e pelo Festival de Berlim (onde arrecadou o Prémio do Público), “Que Horas Ela Volta?” é o candidato brasileiro à nomeação para a categoria de Melhor Filme Estrangeiro na 88.ª edição dos Óscares. [ PÚBLICO ]


21 Janeiro 2016

Quinta-feira - Sessão #1296
21h45 Cine-Teatro Garrett

Minha Mãe - Mia Madre (2015) de Nanni Moretti

Minha Mãe - Mia Madre (2015)
de Nanni Moretti
com Margherita Buy, John Turturro, Giulia Lazzarini, Nanni Moretti, Beatrice Mancini
107 min, Itália / França
Drama, M/12
Selecção Oficial Festival Cannes 2015
crítica: Sight and Sound, SlantPúblico [LMO], Público [JM], DN, DN, ÀPaladeWalsh

Minha Mãe - Mia Madre (2015) de Nanni Moretti

sinopse:
Margherita é uma realizadora de sucesso que se prepara para iniciar as filmagens da sua mais recente obra. O novo filme conta com Barry Hughins, uma estrela conhecida internacionalmente, tanto pelos papéis que desempenha, como pelo seu feitio irascível. Ela sente-se assoberbada pelas expectativas dos seus colegas de profissão e do público e por tudo o que lhe é exigido durante as rodagens. Paralelamente a isso, em termos pessoais, ela está a atravessar um momento particularmente difícil: terminou a relação com o seu companheiro de anos, a sua única filha está em plena crise de adolescência e a mãe encontra-se internada num hospital, gravemente doente. O seu único apoio é Giovanni, o irmão, com quem mantém uma relação constante e de grande proximidade...
Com assinatura do italiano Nanni Moretti (“Querido Diário”, “Abril”, “O Quarto do Filho”, “Habemus Papam – Temos Papa”), um melodrama contido sobre as crises existenciais contadas a partir de três gerações de mulheres. O elenco conta com a participação de Margherita Buy, John Turturro, Giulia Lazzarini e, como sempre nos seus filmes, o próprio realizador. [ PÚBLICO ]

MINHA MÃE, um filme de NANNI MORETTI from Leopardo Filmes on Vimeo.

14 Janeiro 2016

Quinta-feira - Sessão #1295
21h45 Cine-Teatro Garrett

As Sufragistas - Suffragette (2015) de Sarah Gavron

As Sufragistas - Suffragette (2015)
de Sarah Gavron
com Helena Bonham Carter, Carey Mulligan, Meryl Streep, Ben Whishaw
106 min, GB / França
Drama, M/12
crítica: NY Times, Slant, TheGuardian

As Sufragistas - Suffragette (2015)

sinopse:
Início do século XX. Apoiadas pelos conceitos iluministas de igualdade e liberdade, as mulheres passaram a reivindicar o direito de participação na política e a exigir leis mais justas que as incluíssem nas decisões parlamentares. Apesar do importante papel social, principalmente no que se refere à educação, até então elas nunca eram vistas como capazes de escolher os governantes. No Reino Unido, o movimento começou com a fundação da União Nacional pelo Sufrágio Feminino. De modo a expor as leis sexistas e mudar a forma como eram olhadas, um grupo de mulheres da classe operária juntam as suas vozes à de Emmeline Pankhurst, uma mulher à frente do seu tempo que há muito lutava pelos direitos das mulheres. Assim, desistindo do protesto pacífico de simples manifestações de rua ou greves de fome que nunca as levou a lado algum, estas mulheres desafiam o Estado e partem para formas de luta cada vez mais radicais, enfrentando tudo em prol da igualdade de direitos e oportunidades… Com realização de Sarah Gavron (“Brick Lane”) segundo um argumento de Abi Morgan, um filme dramático sobre um importante momento da História que conta com a participação de Carey Mulligan, Helena Bonham Carter, Meryl Streep, Ben Whishaw, Brendan Gleeson e Anne-Marie Duff. [ PÚBLICO ]

7 Janeiro 2016

Quinta-feira - Sessão #1294
21h45 Cine-Teatro Garrett

Montanha (2015) de João Salaviza

Montanha (2015)
de João Salaviza
com Carloto Cotta, Maria João Pinho, Rodrigo Perdigão, David Mourato, Ema Tavares, Cheyenne Domingues
90 min, Portugal
Drama, M/12
Selecção Oficial Festival Veneza 2015
entrevista: Visão
crítica: Público [VC], Público [LMO], ÀPaladeWalsh, DN

Montanha (2015) de João Salaviza

sinopse:
É Verão em Lisboa. David, de 14 anos, foi criado com a mãe e o avô. Quando o velho senhor fica gravemente doente e é hospitalizado, a mãe decide passar lá as noites, esperando o momento da inevitável morte. David recusa-se a entrar no hospital ou a encarar a possibilidade da partida do homem que o criou. O vazio pela falta do avô e da mãe obriga o rapaz a tornar-se o homem da casa e a entrar precocemente na idade adulta... Estreado no Festival de Cinema de Veneza, um filme sobre as dores do crescimento que marca a estreia de João Salaviza na longa-metragem depois de “Arena” (2009, Palma de Ouro em Cannes), “Cerro Negro” (2011) e Rafa (2012, Urso de Ouro em Berlim). [ PÚBLICO ]

sábado, 26 de dezembro de 2015

Separador Vídeo Octopus

O Cineclube Octopus celebrou no mês de Outubro mais um aniversário (a primeira sessão aconteceu a 15 de Outubro de 1983), e para festejar os 32 anos de actividade do Cineclube, inauguramos nas últimos semanas três separadores-vídeo, que a partir de agora serão exibidos alternadamente antes de cada filme.

1)


 2)



3)

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Programação Dezembro 2015

3 Dezembro
Sicario - Infiltrado - Sicario (2015)
de Denis Villeneuve

Sicario - Infiltrado - Sicario (2015)

10 Dezembro
O Coro - Boychoir (2014)
de François Girard

O Coro - Boychoir (2014) de François Girard

17 Dezembro
Bando de Raparigas - Bande de Filles (2014)
de Céline Sciamma

Bando de Raparigas - Bande de Filles (2014) de Céline Sciamma

23 Dezembro (4a-feira) [ 14h30 / 21h45]
A Ovelha Choné - O Filme - Shaun the Sheep Movie (2015)
de Mark Burton, Richard Starzak

A Ovelha Choné - O Filme - Shaun the Sheep Movie (2015)


23 Dezembro 2015

Quarta-feira - Sessão #1293
14h30 Cine-Teatro Garrett
21h45 Cine-Teatro Garrett

A Ovelha Choné - O Filme - Shaun the Sheep Movie (2015)

A Ovelha Choné - O Filme - Shaun the Sheep Movie (2015)
de Mark Burton, Richard Starzak
com Justin Fletcher (Voz), John Sparkes (Voz), Omid Djalili (Voz)
85 min, Reino Unido / França
Animação/Comédia, M/6
crítica: Público, DN, Observador, Sábado

A Ovelha Choné - O Filme - Shaun the Sheep Movie (2015)

sinopse:
A ovelha Choné e o seu rebanho têm uma existência tranquila no Vale Verdejante. Sob a protecção de um agricultor bonacheirão e do seu cão pastor, os seus dias são a pura repetição do anterior. Todos se sentiriam totalmente felizes não fora o excesso de quietude – quase aborrecimento – em que vivem diariamente. É então que Choné, de forma a quebrar a monotonia, resolve fazer algo de inusitado. Mas quando o grupo envia acidentalmente o agricultor na sua caravana para a grande cidade, as coisas ficam fora de controlo. Sem saber muito bem o que fazer sem o seu protector, Choné encontra apenas uma solução: ir até à cidade, encontra-lo e trazê-lo de volta para a tranquilidade do Vale Verdejante, onde todos poderão viver um resto de viva feliz. Mas, como conseguirão eles a proeza de sobreviver e passar despercebidos numa cidade cheia de seres humanos de intenções duvidosas?
Com realização e argumento de Mark Burton e Richard Starzak, um filme de animação que adapta a simpática personagem criada por Nick Park (também responsável pela série "Wallace e Gromit" e pela longa-metragem de animação "A Fuga das Galinhas"). [ PÚBLICO ]


17 Dezembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1292
21h45 Cine-Teatro Garrett

Bando de Raparigas - Bande de Filles (2014)

Bando de Raparigas - Bande de Filles (2014)
de Céline Sciamma
com Karidja Touré, Assa Sylla, Lindsay Karamoh
112 min, França
Drama, M/12
crítica: Sight and Sound, Slant, Público [LMO], Público [JM], DN 

Bando de Raparigas - Bande de Filles (2014)

sinopse:
Marieme é uma adolescente que vive num bairro problemático dos subúrbios de Paris (França). Sente-se oprimida pela família, por um contexto social dominado pelo sexo masculino e pela falta de perspectivas de futuro. Quando conhece um "gang" de raparigas que se norteiam apenas pelas próprias vontades e não dão satisfações a ninguém, vê ali a sua grande hipótese de libertação. Para ser aceite no grupo, adopta uma nova identidade, muda de nome e deixa a escola. Com aquelas raparigas, a agora conhecida como Vic irá desenvolver a sua autoconfiança e encontrar o sentimento de pertença por que tanto ansiava. Mas também há-de descobrir que a liberdade que alcançou está longe de ser sinónimo de plena felicidade... Apresentado em Cannes, na Quinzena dos Realizadores, um drama que parte das dores e descobertas inerentes à adolescência para questionar estereótipos de raça, género e classe social. A realização é de Céline Sciamma (“Naissance des Pieuvres”, "Tomboy"), que também assina o argumento. O filme recebeu quatro nomeações para os Césares, incluindo na categoria de Actriz Revelação, pela interpretação de Karidja Touré, no papel de Marieme/Vic.
[ PÚBLICO ]

10 Dezembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1291
21h45 Cine-Teatro Garrett

inserido no III Encontro de Música Coral da Póvoa de Varzim
preço para público geral: 3,00€

O Coro - Boychoir (2014)

O Coro - Boychoir (2014)
de François Girard
com Dustin Hoffman, Josh Lucas, Kathy Bates
103 min, EUA
Drama, M/12
crítica: Jornal I, Sábado, EyeForFilm

O Coro - Boychoir (2014)

sinopse:
Stet, de 11 anos, foi criado pela mãe numa pequena cidade do Texas. Após a sua morte, sem ninguém que tome conta dele, o rapaz vê-se aos cuidados de uma instituição. Dependente das decisões dos adultos e das regras do colégio interno para onde foi enviado, sente-se desenquadrado e revoltado com o mundo. É então que, contra a sua vontade, é obrigado a integrar o coro de uma prestigiada escola de música. Quando o mestre Carvelle, o professor de canto, se apercebe das incríveis capacidades artísticas de Stet, toma como missão fazê-lo entender que esse dom extraordinário é uma dádiva e que não pode ser desperdiçado. Entre eles nasce assim uma relação que, apesar de conflituosa, irá preparar Stet para a idade adulta e, ao mesmo tempo, ajudar Carvelle a apreciar e a redescobrir as maravilhas dos espíritos rebeldes… Com realização de François Girard ("O Violino Vermelho", "Seda"), segundo um argumento de Ben Ripley, um filme sobre a turbulência da adolescência. Dustin Hoffman, Kathy Bates e Garrett Wareing ocupam os papéis principais. [ PÚBLICO ]

3 Dezembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1290
21h45 Cine-Teatro Garrett

Sicario - Infiltrado - Sicario (2015)

Sicario - Infiltrado - Sicario (2015)
de Denis Villeneuve
com Emily Blunt, Jon Bernthal, Josh Brolin
121 min, EUA
Drama, M/12
crítica: NYTimes, Slant, Público [JM], Público [LMO], DN, ExpressoÀPaladeWalsh

Sicario - Infiltrado - Sicario (2015)

sinopse:
Arizona, EUA. A agente especial do FBI Kate Macer e a sua equipa descobrem dezenas de cadáveres dentro de uma casa prestes a explodir. Dois agentes são mortalmente atingidos e Kate é ferida. Dave Jennings, o seu superior, recomenda-a a Matt Graver, um representante do Ministério dos Negócios Estrangeiros que pretende juntar um grupo com alguns dos melhores agentes para encontrar o responsável pelo crime no Arizona. Apesar de relutante em aceitar a missão, Kate está decidida a fazer justiça e aceita cruzar a fronteira com o México. Porém, uma vez lá chegada, as coisas complicam-se e ela dá-se conta de que não lhe foram facultadas todas as informações. Inserida numa equipa liderada por um homem de passado duvidoso, Kate vê-se envolvida numa conspiração que a leva a questionar tudo aquilo em que sempre acreditou. Em competição pela Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes, um "thriller" de acção realizado por Denis Villeneuve ("Incendies - A Mulher que Canta", "O Homem Duplicado", "Raptadas"), segundo um argumento de Taylor Sheridan, que conta com Emily Blunt, Benicio del Toro e Josh Brolin nos papéis principais. [ PÚBLICO ]


segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Programação Novembro 2015

26 Novembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1289
21h45 Cine-Teatro Garrett

As Mil e Uma Noites: Vol. 3 - O Encantado (2015)

As Mil e Uma Noites: Vol. 3 - O Encantado (2015)
de Miguel Gomes
com Crista Alfaiate, Bernardo Alves, Chico Chapas, Carloto Cotta
125 min, Portugal
M/12, Drama
vencedor Prémio da Crítica Internacional (Fipresci)
vencedor Festival de Cinema de Sidney
crítica: Público (VC), Expresso, DN, Slant, ÀPaladeWalsh

As Mil e Uma Noites: Vol. 3 - O Encantado (2015)

sinopse:
"O Encantado” é o terceiro e último tomo de trilogia "As Mil e Uma Noites", de Miguel Gomes, que se completa com o "O Inquieto" e "O Desolado". A colecção toma o título – e estrutura – dos famosos contos árabes clássicos em que a princesa Xerazade oferecia todos os dias, em troca da sua vida, uma nova história ao rei Shahriar. Todos os volumes foram filmados entre o Verão de 2013 e o de 2014, a partir de um guião em construção que tinha como base histórias recolhidas por um grupo de jornalistas sobre a crise vivida pela sociedade portuguesa contemporânea. Encadeando histórias que vão das manifestações de rua ao silêncio dos estaleiros de Viana do Castelo, passando pelo desespero de um desempregado, pelas manobras do político euro(s)centrado, pelos incêndios de Verão ou mesmo pelo tradicional banho de Ano Novo, traça um retrato do Portugal real – mesmo que essa realidade tome por vezes uma aparência absurda e fantasiosa – que pulsa sob o jugo da austeridade. O realizador descreve o projecto como um misto de "ficção e retrato social, tapetes voadores e greves", lembrando que "imaginário e realidade nunca puderam viver um sem o outro (e Xerazade bem o sabe)". [ PÚBLICO ]

19 Novembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1288
21h45 Cine-Teatro Garrett

Homem Irracional - Irrational Man (2015)


Homem Irracional - Irrational Man (2015)
de Woody Allen
com Joaquin Phoenix, Emma Stone, Parker Posey
95 min, EUA
M/12, Drama/Thriller
crítica: Público [LMO], Público [JM], ÀPaladeWalsh, NY Times, Slant

Homem Irracional - Irrational Man (2015)

sinopse:
O professor de Filosofia Abe Lucas sente-se infeliz, deprimido e sem motivação seja para o que for. Ao mudar-se para uma nova cidade, onde vai integrar o Departamento de Filosofia da Universidade de Braylin, acaba por se ver emocionalmente envolvido com duas mulheres muito diferentes: Rita Richards, uma professora solitária que apenas deseja libertar-se da infelicidade do seu próprio casamento; e Jill Pollard, uma aluna muito inteligente que se sente atraída pela sua aura de sabedoria e desespero algo existencialista. Mas a vida de Abe muda de rumo quando, numa ida a um restaurante com Jill, ouve a conversa de uma desconhecida sobre uma decisão do juiz Spangler. Esse acontecimento, apesar de não ter impacto directo na sua vida, vai alterar de forma drástica o modo como se vê a si mesmo, dando- lhe um novo propósito de existência. Escrito e realizado por Woody Allen, um filme dramático com Joaquin Phoenix, Emma Stone, Parker Posey e Tom Kemp nos principais papéis. [ PÚBLICO ]

12 Novembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1287
21h45 Cine-Teatro Garrett

Perdido em Marte - The Martian (2015)

Perdido em Marte - The Martian (2015)
de Ridley Scott
com Matt Damon, Jessica Chastain, Kristen Wiig
130 min, EUA
M/12, Drama/Ficção Científica
crítica: Público (VC), Público (JM), ÀPaladeWalsh, NY Times, Slant

Perdido em Marte - The Martian (2015)

sinopse:
Durante uma missão tripulada a Marte, o astronauta Mark Watney e os seus companheiros são violentamente arrastados por uma tempestade de areia. Devido a este incidente, a missão é abortada e Mark, que todos julgam morto, é deixado para trás. Mas Watney sobreviveu. Encontra-se sozinho e sem saber o que fazer em Marte. Com mantimentos para apenas 50 dias, vai ter de encontrar uma forma de enviar um pedido de socorro à Terra e, simultaneamente, arranjar uma maneira de fazer crescer alimentos que o ajudem a sobreviver o máximo de tempo naquele planeta hostil. Quando, sem que alguém esperasse, o seu apelo é recebido pela NASA, a milhões de quilómetros de distância, cientistas de todo o mundo juntam-se para o tentarem trazer de volta. Quando todos concluem que nada há que possa ser feito, os seus colegas de tripulação decidem desobedecer às ordens e arriscar uma ousada missão de resgate… [ PÚBLICO ]

5 Novembro 2015

Quinta-feira - Sessão #1286
21h45 Cine-Teatro Garrett

THE BIGGER PICTURE | O QUE IMPORTA de Daisy Jacobs

Curtas de Animação - Nomeados Cartoon D'Or 2015


O CARTOON D’OR é o grande prémio atribuído à  melhor curta de animação europeia. É constituído um júri que selecciona 6 filmes de um conjunto de filmes (este ano 31) galardoados em festivais de animação europeus.No Fórum Cartoon, na cerimónia de entrega do Prémio (17 de Setembro 2015) é conhecido o grande vencedor.

LIFE IN A SINGLE | A VIDA NUM SINGLE de Job, Joris e Marieke 00:02:15 Holanda
THE BIGGER PICTURE | O QUE IMPORTA de Daisy Jacobs 00:07:30 Reino Unido
BROTHERS IN ARMS | COMPANHEIROS DE LUTA de Cav Bogelund 00:30:00 Dinamarca
PREMIER AUTOMNE | FOLHAS DE OUTONO de Carlos de Carvalho e Aude Danset 00:10:30 França
MOI J’ATTENDS | EU ESPERO de Claire Sichez 00:05:00 França
CODA de Alan Holly 00:09:00 Irlanda

BROTHERS IN ARMS | COMPANHEIROS DE LUTA de Cav Bogelund

Curtas de Animação - Prémio Nacional de Animação

AMÉLIA & DUARTE de Alice Guimarães e Mónica Santos 00:08:30 Portugal e Alemanha
ESPECIALIDADE DA CASA de Margarida Madeira 00:02:00 Portugal
NOSSA SENHORA DA APRESENTAÇÃO de Abi Feijó, Alice Guimarães, Laura Gonçalves 00:06
O CAMPO À BEIRA MAR de André Ruivo 00:08:01 Portugal
PAPEL DE NATAL de José Miguel Ribeiro 00:30:00 Portugal
VÍGIL de Rita Cruchinho Neves 00:12:33 Portugal

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Programação Outubro

1 Outubro
As Mil e Uma Noites Vol.1 - O Inquieto (2014)
de Miguel Gomes

As Mil e Uma Noites Vol.1 - O Inquieto (2014)

8 Outubro
Pára-me de Repente o Pensamento (2014)
de Jorge Pelicano

Pára-me de Repente o Pensamento (2014)

15 Outubro
sem sessão

22 Outubro
Vai Seguir-te (2014)
de David Robert Mitchell

Vai Seguir-te (2014)

29 Outubro
As Mil e Uma Noites Vol. 2 - O Desolado (2015)
de Miguel Gomes

As Mil e Uma Noites Vol. 2 - O Desolado (2015)

29 Outubro de 2015

Quinta-feira - Sessão #1285
21h45 Cine-Teatro Garrett

As Mil e Uma Noites Vol. 2 - O Desolado (2015)

As Mil e Uma Noites Vol. 2 - O Desolado (2015)
de Miguel Gomes
com Crista Alfaiate, João Pedro Bénard, Isabel Muñoz Cardoso
M/12, Drama
131 min, Portugal
vencedor Prémio da Crítica Internacional (Fipresci)
vencedor Festival de Cinema de Sidney
crítica: Público [VC],  Expresso
entrevista: Público, DN

As Mil e Uma Noites Vol. 2 - O Desolado (2015)

sinopse:
Num País Europeu em crise, Portugal, um realizador propõe-se a construir ficções a partir da miserável realidade onde está inserido. Mas, incapaz de descobrir um sentido para o seu trabalho, foge cobardemente, dando o seu lugar à bela Xerazade. Ela precisará de ânimo e coragem para não aborrecer o Rei com as tristes histórias desse país! Com o passar das noites, a inquietude dá lugar à desolação e a desolação ao encantamento. Por isso, Xerazade organiza as histórias que conta ao Rei em três volumes. Começa assim: "Oh venturoso Rei, fui sabedora de que num triste país entre os países…" Sinopse do volume 2: No qual Xerazade narra como a desolação invadiu os homens: " Oh venturoso Rei, fui sabedora de que uma juíza aflita chorará em lugar de ditar a sua sentença, numa noite de três luares. Um assassino em fuga vagueará pelas terras do interior durante mais de quarenta dias e teletransportar-se-à para fugir à Guarda, sonhando com putas e perdizes. Lembrando-se de uma oliveira milenar, uma vaca ferida dirá o que tiver a dizer e que é bem triste! Moradores de um prédio dos subúrbios salvarão papagaios e mijarão em elevadores, rodeados por mortos e fantasmas; mas também por um cão que… ". E vendo despontar a manhã, Xerazade calou-se. [ filmspotPT]

22 Outubro de 2015

Quinta-feira - Sessão #1284
21h45 Cine-Teatro Garrett

Vai Seguir-te - It Follows (2014)

Vai Seguir-te - It Follows (2014)
de David Robert Mitchell
com Maika Monroe, Keir Gilchrist, Olivia Luccardi
100 min, EUA
M/16, Terror/Thriller
Selecção Oficial Semana da Crítica Festival de Cannes
crítica: Sight and Sound, NYTimes, Slant, Público [JM], Público [LMO], DN

Vai Seguir-te - It Follows (2014)

sinopse:
Jay era uma rapariga igual às outras até ao dia em que, depois de uma noite de sexo com o namorado, acordou presa a uma cadeira de rodas. Desesperado, ele pede-lhe perdão e explica que, através da relação sexual, lhe passou uma maldição de que foi vítima no passado. Jay fica também a saber que a partir daquele momento se sentirá constantemente seguida por uma entidade maligna que, tomando várias formas, a tentará matar. A única maneira de se livrar do esconjuro é passá-lo a outra pessoa. Numa luta pela própria vida, e com a ajuda de alguns dos seus amigos mais próximos, a jovem entra num pesadelo inimaginável, consciente de que a sua salvação depende da condenação de alguém inocente… Com realização de David Robert Mitchell, um filme de terror que se baseia num pesadelo recorrente da sua própria infância. [ PÚBLICO ]

8 Outubro de 2015

Quinta-feira - Sessão #1283
21h45 Cine-Teatro Garrett

Com a presença do Dr. António José Constantino (sementes.pt), representante da Ordem dos Psicólogos Portugueses, para uma conversa no âmbito do Dia Mundial da Saúde Mental, celebrado a 10 de Outubro.

António José Constantino é Psicólogo, director da Sementes (sementes.pt), cujo trabalho é desenvolvido nas áreas do coaching, desenvolvimento pessoal e psicologia clínica, membro da Sociedade Portuguesa de Terapia Centrada no Cliente e Abordagem Centrada na Pessoa, especialista em Coaching Psicológico pela Universidade de Lisboa.
Actualmente, é membro Representante da Ordem dos Psicólogos Portugueses.

Pára-me de Repente o Pensamento (2014)

Pára-me de Repente o Pensamento (2014)
de Jorge Pelicano
101 min, Portugal
Documentário, M/6
crítica: Público [JM]
entrevista: SicNoticias

Pára-me de Repente o Pensamento (2014)

sinopse:
"Pára-me de repente o pensamento/Como que de repente refreado/Na doida correria em que levado/Ia em busca da paz, do esquecimento..." Assim começa o poema publicado em 1915 na revista "Orpheu", da autoria de Ângelo de Lima. Em 1894, o poeta e pintor foi internado no Centro Hospitalar Conde de Ferreira (Porto) com o diagnóstico de "delírio de perseguição". Para reencontrar a personagem para a sua peça de teatro, o actor Miguel Borges decide passar três semanas com os actuais pacientes do hospital. Durante esse tempo, partilha com eles as conversas, as refeições, as terapias, o café e os cigarros. O documentarista Jorge Pelicano ("Ainda Há Pastores" e "Pare, Escute, Olhe") pega na câmara e segue os seus passos, filmando 250 horas desse convívio e aprendizagem. A montagem final resultou num tratado de uma hora e meia sobre a loucura e a lucidez.  [ PÚBLICO ]

1 Outubro de 2015

Quinta-feira - Sessão #1282
21h45 Cine-Teatro Garrett

As Mil e Uma Noites Vol.1 - O Inquieto

As Mil e Uma Noites Vol.1 - O Inquieto (2015)
de Miguel Gomes
com Miguel Gomes, Carloto Cotta, Adriano Luz, Rogério Samora, Maria Rueff
125 min, Portugal
M/12, Drama
vencedor Prémio da Crítica Internacional (Fipresci)
vencedor Festival de Cinema de Sidney
crítica: Público [VC], Público [LMO], Público [JM], DiárioNotícias, ExpressoÀPaladeWalsh
entrevista: Público, DN

As Mil e Uma Noites Vol.1 - O Inquieto (2015)

sinopse:
Encadeando histórias que vão das manifestações de rua ao silêncio dos estaleiros de Viana do Castelo, passando pelo desespero de um desempregado, pelas manobras do político euro(s)centrado, pelos incêndios de Verão ou mesmo pelo tradicional banho de Ano Novo, é traçado um retrato do Portugal real – mesmo que essa realidade tome por vezes uma aparência absurda e fantasiosa – que pulsa sob o jugo da austeridade. Realizado por Miguel Gomes ("Aquele Querido Mês de Agosto", "Tabu"), "O Inquieto" é o primeiro tomo de uma trilogia que se completa com "O Desolado" e "O Encantado". A colecção toma o título – e a estrutura – dos famosos contos árabes clássicos em que a princesa Xerazade oferecia todos os dias, em troca da sua vida, uma história nova ao rei Shahriar. Todos os volumes d'"As Mil e Uma Noites" de Miguel Gomes são também narrados por uma Xerazade e começam por parafrasear a contadora de histórias original: "Escuta, ó venturoso rei, fui sabedora de que, num triste país entre os países..." As filmagens do tríptico decorreram ao longo de um ano, começando em Agosto de 2013, a partir de um guião em construção que tinha como base histórias recolhidas na sociedade portuguesa contemporânea por um grupo de jornalistas: Maria José Oliveira, Rita Ferreira e João Dias. O realizador descreve o projecto como um misto de "ficção e retrato social, tapetes voadores e greves", lembrando que "imaginário e realidade nunca puderam viver um sem o outro (e Xerazade bem o sabe)". Desde a sua estreia na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes, onde foi calorosamente recebido, "O Inquieto" percorreu os grandes festivais de cinema internacionais, arrecadando distinções como o Prémio da Crítica Internacional (Fipresci) ou o prémio máximo da selecção oficial do Festival de Cinema de Sydney. [ PÚBLICO ]

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Programação Setembro 2015

3 Setembro
National Gallery
de Frederick Wiseman

National Gallery


4 Setembro
sessão ao ar livre na Praça do Carvalhido, integrado no Philantra - Festival de Arte Independente, organizado pela Cooperativa Cultural Filantrópica, e em colaboração com a Casa da Animação.



10 Setembro
Timbuktu
de Abderrahmane Sissako

Timbuktu


17 Setembro
Taxi (2015)
de Jafar Panahi

Taxi (2015) de Jafar Panahi

24 Setembro
Vocês Ainda Não Viram Nada - Vous n'Avez Encore Rien Vu (2012)
de Alain Resnais

sessão integrada no É-Aqui-in-Ócio – Festival de Teatro na Póvoa de Varzim, organizado pelo Varazim Teatro.

Vocês Ainda Não Viram Nada - Vous n'Avez Encore Rien Vu (2012) de Alain Resnais